Category Archives: Science

Jornal da Ciência – “Ranking coloca revistas científicas brasileiras em ”risco de extinção”

Com alterações no Qualis, sistema oficial de avaliação, periódicos nacionais têm de concorrer com estrangeiros

Herton Escobar escreve para “O Estado de SP”

O espantoso aumento de 56% da produção científica brasileira em 2008 foi proporcionado, em grande parte, pelo aumento no número de revistas nacionais indexadas no Institute for Scientific Information (ISI) – o seleto banco de dados da empresa Thomson Reuters que reúne estatísticas sobre aquelas que são consideradas as melhores revistas científicas do mundo. Fato que foi celebrado como um reconhecimento da qualidade desses periódicos brasileiros no cenário internacional.

Porém, um crescente coro de cientistas tenta chamar a atenção para um fenômeno contrário que estaria ocorrendo no país. Segundo eles, várias revistas científicas brasileiras estão “ameaçadas de extinção” pelos novos critérios de avaliação adotados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) para o sistema Qualis, que hierarquiza as publicações de acordo com sua importância nas respectivas áreas do conhecimento. Continue reading

Advertisements

Leave a comment

Filed under Academics, Journals, Qualis, Research, Science

O conflito entre a natureza humana e a condição humana no contexto atual das ciências sociais – Héctor Leis

 

 

 

RESUMO

O conhecimento é marcado por duas culturas distintas: uma que promove a interação entre os diferentes objetos de estudos e outra que os exclui, marcada por especializações e que caracteriza a Modernidade. O trabalho inter e transdisciplinar sobre problemas preementes do presente momento possibilita romper com essa última perspectiva. Várias são as proposições apresentadas para a sua efetivação, sendo que no presente texto a abordagem ressalta a perspectiva das ciências sociais na construção interdisciplinar do conhecimento. A dimensão ambiental do conhecimento permeia a reflexão aqui elaborada.

 

Palavras-chave: natureza humana, condição humana, interdisciplinaridade, modernidade, ciências sociais.

conflito-natureza-condicao-humana-leis

Leave a comment

Filed under Anthropology, Culture, Etics, Héctor Leis, Human Condition, Human Nature, Modernity, Philosophy, Politics, Science, Social Sciences

Quando cada caso NÃO é um caso – Cláudia Fonseca

imagem.jpg CLAUDIA FONSECA, doutora pela EHESS, Paris, éprofessora titular de antropologia no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faz pesquisa na área de organização familiar, camadas populares e direitos humanos. Entre suas publicações recentes, incluem-se: Caminhos de adoção (Cortez, 1995), Honra, família e gênero (Editora da UFRGS, no prelo) e a organização de um número especial da revista Horizontes Antropológicos: “Diversidade Cultural e Cidadania”
(PPGAS/UFRGS, 1999).

Texto na íntegra:Claudia Fonseca – Quando cada caso…

3 Comments

Filed under Academics, Anthropology, Claudia Fonseca, Ethnography, Ethnology, Logic, Philosophy, Science

Frankenfoods

monsanto.jpg

Leave a comment

Filed under Advertising, Frankenfoods, genfood, Monsanto, Science

Science: conjectures and rafutations – Sir Karl Popper

Karl Popper Download the complete text: Science: conjectures and refutations – Karl Popper

2 Comments

Filed under Academics, Conjectures, Download, Epistemology, Hume, Kant, Karl Popper, Philosophy, Refutations, Science, Text

O nativo relativo – Viveiros de Castro

�ndios brasileirosVIVEIROS DE CASTRO, Eduardo. O nativo relativo. Mana, abr. 2002, vol.8, no.1, p.113-148. ISSN 0104-9313.

Este artigo tenta extrair as implicações teóricas do fato de que a antropologia não apenas estuda relações, mas que o conhecimento assim produzido é ele próprio uma relação. Propõe-se, assim, uma imagem da atividade antropológica como fundada no pressuposto de que os procedimentos característicos da disciplina são conceitualmente de mesma ordem que os procedimentos investigados. Entre tais implicações, está a recusa da noção corrente de que cada cultura ou sociedade encarna uma solução específica de um problema genérico, preenchendo uma forma universal (o conceito antropológico) com um conteúdo particular (as concepções nativas). Ao contrário, a imagem aqui proposta sugere que os problemas eles mesmos são radicalmente diversos, e que o antropólogo não sabe de antemão quais são eles.

Palavras-chave : Conhecimento Antropológico; Imaginação Conceitual; Cultura; Relação; Perspectivismo.

Download: Nativo Relativo – Viveiros de Castro

Leave a comment

Filed under Anthropological Knowledge, Anthropology, Conceptual imagination, Culture, Download, Epistemology, Logic, Perspectivism, Philosophy, Relation, Science