Category Archives: Subject

Theodor Adorno – Sobre Sujeito e Objeto

1

Em se tratando de considerações sobre sujeito e objeto, a dificuldade consiste em indicar do que se deve propriamente falar. É notório que os termos são equívocos. Assim, sujeito pode referir-se tanto ao indivíduo particular [einzelne Individuum] quanto a determinações gerais; de acordo com os termos dos Prolegômenos kantianos, à consciência em geral. Continue reading

Leave a comment

Filed under Adorno, Object, Philosophy, Self, Subject

Pensamento de Nietzsche – Cadernos IHU

Download da revista aqui: cadernos_ihu_-_o_pensamento_de_friedrich_nietzsche1

Conteúdo:
Friedrich Nietzsche – Vida e obra
Investidas contra o Deus moral obsessivo – Entrevista com Paul Valadier
Buscando o critério de avaliação das avaliações – Entrevista com Scarlett Marton
A obsolescência do sujeito unitário – Entrevista com Alberto Marcos Onate
Uma revolução na forma de pensar – Entrevista com Vânia Dutra de Azeredo
A recepção de Nietzsche no Peru – Entrevista com Kathia Hanza
Democracia agonística e radicalismo aristocrático: paradoxo nietzscheano- Entrevista com Márcia Rosane Junges

Leave a comment

Filed under Academics, Alberto Marcos Onate, Books, Cadernos Nietzsche, Democracy, Download, Ethics, God, Kathia Hanza, Márcia Rosane Junges, Morals, Nietzsche, Paul Valadier, Peru, Philosophy, Scarlett Marton, Subject, Think, Unisinos, Vânia Dutra de Azeredo

FENOMENOLOGIA DO ESPÍRITO: A – INDEPENDÊNCIA E DEPENDÊNCIA DA CONSCIÊNCIA-DE-SI: DOMINAÇÃO E ESCRAVIDÃO

G. W. F. Hegel

     178 – [Das Selbstbewusstsein] A consciência-de-si é em si e para si quando e porque é em si e para si para uma Outra; quer dizer, só é como algo reconhecido. O conceito dessa sua unidade em sua duplicação, [ou] da infinitude que se realiza na consciência-de-si, é um entrelaçamento multilateral e polissêmico. Assim seus momentos devem, de uma parte, ser mantidos rigorosamente separados, e de outra parte, nessa diferença, devem ser tomados ao mesmo tempo como não-diferentes, ou seja, devem sempre ser tomados e reconhecidos em sua significação oposta.

     O duplo sentido do diferente reside na [própria] essência da consciência-de-si: [pois tem a essência] de ser infinita, ou de ser imediatamente o contrário da determinidade na qual foi posta. O desdobramento do conceito dessa unidade espiritual, em sua duplicação, nos apresenta o movimento do reconhecimento. Continue reading

Leave a comment

Filed under Conscience, Domination, Hegel, Phenomenology of Spirit, Philosophy, Psicology, Slave, Subject

INDÚSTRIA CULTURAL E EDUCAÇÃO DO CORPO NO JOGO DE CAPOEIRA – Muleka Mwewa

capoeira.gifA capoeira se combina – seja na forma de jogo, luta, dança ou mesmo esporte-espetáculo –

com um conjunto de outros elementos da cultura corporal dos afro-brasileiros, estruturando-se dialeticamente nos processos políticos, sociais e históricos que circundam o meio onde é praticada. A presente investigação procurou revelar a interface entre os elementos constitutivos dessa manifestação e os pressupostos da teoria crítica a partir do conceito de indústria cultural, com especial atenção à obra de Theodor W. Adorno. Objetivou, também, identificar as diferentes pedagogias existentes no jogo de capoeira, por

meio da análise sócio-histórica dos seus elementos estruturadores. As análises indicaram as tensões da multivocalidade dessa manifestação cultural localizada entre os ardis reificantes da sociedade administrada e seu potencial pedagógico como expressão de inconformismo cultural. Elas também indicaram que a prática da capoeira no contexto do “tempo livre” solapa a construção/produção de conhecimento presente no universo desta manifestação cultural que se legitima como afro-brasileira.
Palavras-Chave: Manifestação cultural – Sujeitos – Indústria cultural – Pedagogia do corpo – Educação

Download da Monografia Completa: INDÚSTRIA CULTURAL E EDUCAÇÃO DO CORPO NO JOGO DE CAPOEIRA: Estudos sobre a presença da capoeira na sociedade administrada – Muleka Mwewa

Leave a comment

Filed under Adorno, Corporal Pedagogies, Culture Industry, Culture manifestation, Education, Hall, Subject